Vitorianas Macabras: o terror escrito por mulheres

Vitorianas Macabras é uma coletânea de contos de terror escritos por autoras da era vitoriana, organizados por Marcia Heloisa e publicados pela Macabra, selo da DarkSide Books. Foram treze os contos selecionados e, desses, apenas três são de autoras que já haviam sido traduzidas no Brasil. Além de …

O terror onírico de Suspiria

Suspiria, de Dario Argento, é um dos grandes clássicos do terror e, com toda certeza, um dos meus filmes favoritos da vida. Eu o assisti pela primeira vez há mais de dez anos e desde então tento rever todo ano. A cada revisitação ele cresce ainda mais. Sou do time que não gostou da versão de 2018, …

Edgar Allan Poe: o homem atormentado pelo corvo

Edgar Allan Poe nasceu em 1809, filho de um casal de atores itinerantes, na cidade norte-americana de Boston, em Massachusetts. Ainda muito cedo, por volta dos três anos de idade, lidou com a perda e o luto, por meio, primeiro, do falecimento do pai, e dois anos depois, da mãe, que deixou a ele e s…

Midsommar e o envelhecimento na cultura ocidental

Midsommar: O Mal Não Espera a Noite, filme sueco do diretor Ari Aster com o produtor Lars Knudsen, lançado em 2019 pelo estúdio A-24, integra aquilo que se tem chamado de terror folk que, segundo o próprio Aster, é um gênero baseado no "medo de indumentárias antigas e superstições, especialmen…

História da Bruxaria: da demonolatria ao romantismo

Ainda atualmente, existe uma ideia geral muito romântica da bruxa, uma mulher que luta pela liberdade, opondo-se às restrições impostas pelo cristianismo, que se volta para a Antiga Religião, para seguir o chamado da deusa, servindo-a com rituais baseados no equilíbrio dos elementos e no respeito p…

Ana Bolena: de rainha protestante a bruxa usurpadora

O Malleus Maleficarum (ou O Martelo das Feiticeiras), publicado originalmente em 1487 por dois padres alemães, foi o manual oficial de caça e execução de bruxas na Europa por cerca de quatrocentos anos. De acordo com ele, os sinais de que uma mulher praticava bruxaria eram ela ter qualquer deformi…

It - A Coisa: os horrores da infância e da memória

"[...] a infância tem seus segredos doces e confirma a mortalidade, e que a mortalidade define toda a coragem e todo o amor, [...] o que já ansiou pelo futuro também precisa olhar para trás [...] cada vida faz sua própria imitação da imortalidade: uma roda."It - A Coisa, obra literária de…